amor

O Filho Que Eu Quero Ter

Postado em Atualizado em

Nada mais dá esperança que uma criança.
A espera pelo filho que ainda não nasceu.
Ver o filho crescer, ser esperança para ele.
No seu legado, a imortalidade do ciclo da vida.
E quem sabe ser avó, prêmio aos bons pais.

Ps: Recomendamos clicar no vídeo abaixo para ouvir a música enquanto lê o texto do música em prosa.

https://youtu.be/CjUWxCCqWAw

musicaemprosa

Vinícius de Moraes, quando conta a história de como foi feita “O Filho que eu quero ter”, adjetiva como, ao mesmo tempo, “linda” e “patética”. Isso porque  na praia de Boa Viagem, no Recife, Toquinho contou a Vinícius sobre seu desejo de ter um filho. Experiente no assunto, o poeta respondeu algo como “Vai nessa! Dá trabalho, mas é muito bom.”

Resultado de imagem para toquinho e vinicius praia

Toquinho, então, mostrou-lhe uma melodia que havia composto inspirado naquele desejo, com uma levada típica de cantigas de ninar. Foi à praia e deixou o parceiro a embalar a música recém-composta.

Ao que consta, Vinicius emocionou-se ao escrever a letra. No fim da tarde, quando Toquinho retornou, o encontrou em prantos, com a letra da música nas mãos.

Percebe-se os três pedaços da música: No primeiro, o nascimento, o sonho e o amor de se ter um filho; a segunda parte, ao vê-lo crescer, ao perguntar um “porquê que não tem fim“, mas…

Ver o post original 336 mais palavras

Vida longa ao espírito justo.

Postado em Atualizado em

Esperança é a primeira que vai, ou a última?

Do ponto de vista de ser feliz esta visão interfere, visto que quem não espera menos sente, mas me nego a aceitar a realidade onde ser insensível ao outro seja nosso cenário evolutivo.

Nosso futuro será como dos marcianos de Marte ataca? Travestidos num sorriso e de armas em punho? Escolho acreditar que não.

É necessário agir como uma sociedade mais justa, mesmo num circulo pequeno.

Sim, o correto tem dificuldade de sobreviver ao escroto como indivíduo, no entanto, um cluster de corretos é mais forte que um amálgama de escrotos.

Ser gregário talvez tenha sido a grande evolução, compartilhada por diversos mamíferos, esquecida por boa parte dos homens.

Felizmente é a excessão que faz evolução, não a regra. Seja excessão, seja correto, tenha esperança, trabalhe para construir o futuro.

Aprendemos a ser filhos quando nos tornamos pais.

Postado em Atualizado em

Há um terço ou quarto de vida atrás recebi esta homenagem de minha amada e dedicada mãe. À época, não sabia nem mesmo ser filho, sequer devia ser homenageado. Mas uma coisa já havia aprendido: quem é gentil permite ao outro ser gentil. Aceitei a homenagem e me prometi devolvê-la.

Aprendi muitas coisas com minha mãe, inclusive o português capenga que não é pior graças a seus preocupados cascudos há quase 40 anos. Mal sabia eu a importância da língua e da retórica.

Percebi o que é ser uma família através de seu casamento com meu pai, falecido há quase 30 anos. Vivi um casal de pais, amorosos e um lar harmônico.

Aprendi o valor dos estudos e no ano que recebi esta homenagem formava em engenharia e partia para o mundo. Há 20 anos o seu filho já era um adulto, mas ainda um menino. Nem pensava em ter filhos, evitava de todo modo, exceto parar de praticar a elaboração.

Há 10 seu filho casou e constituiu família com uma também filha, que sem nossos filhos hoje não seria mãe também. E sua homenagem ficará guardada para eles, até o dia que eles a compreendam, quem sabe daqui há 20 ou 30 anos.

Hoje a internalizo e peço apenas que sinta a minha homenagem de engenheiro que ainda aprende a ser filho, a falar português e a ser marido de mãe e pai de filhos:

“Te agradeço pelo que sou e pelo que você é.”

Feliz dia das mães a todos!

image

Humor Azul

Postado em Atualizado em

Tem muito a se falar sobre o livro Humor Azul (Rodrigo Tramonte), os Artistas Autistas e o projeto Autonomia.

Para adiantar digo que são #fatobom e merecem ser pesquisados, divulgados e convidados. Não quis perder o momento da alegria de conhecê-los e fiz um texto curto, muito aquém do que merecem.

Conheçam vocês também, patrocinem, lancem, divulguem.

image

Veja a programação de lançamentos, convide para lançar em sua cidade!

Leia o resto deste post »

Sou preconceituoso, estou melhorando!

Postado em Atualizado em

Naturalmente não é só este Travesti (Luana Muniz) quem merece respeito. Percebo esta mensagem de Padre Melo como “todo ser humano merece respeito e não somos melhores que ninguém, acolhendo as diferenças podemos nos surpreender com quão melhor é quem menospresamos.”

Aprender a mudar o olhar sobre as diferenças é também perceber o quanto podemos melhorar como indivíduos.

Paz, liberdade e responsabilidade levam a um futuro #fatobom!

 

Corpo presente

Postado em

Conseguir reunir a família depois de morto, seria #fatobom? Assista o vídeo e conclua.

Você pode mudar a realidade enquanto há tempo e isso é #fatobom!

Dia de Doar

Postado em Atualizado em

image
Obrigado por ter ajudado a Dendê da Serra

Hoje (01/12) é Dia de Doar, o Brasil inteiro vai se mobilizar para promover a cultura de doação e a solidariedade com as organizações!

SAIBA MAIS, AJUDE MAIS, DOE MAIS.

Doe trabalho, tempo, dinheiro ou simplesmente divulgue. O #fatobom também é uma instituição sem fins lucrativos. Divulgue, compartilhe, curta para que mais pessoas leiam.

No mínimo compartilhe este post ou diretamente da http://www.diadedoar.org. Assista o vídeo: