internacional

RSE e Safety juntos. O que significa isso?

Postado em Atualizado em

Talvez vocês não percebam como eu a profundidade da ação retratada neste vídeo, para isso coloco uma breve introdução, leia clicando em “leia mais” abaixo do vídeo.

Leia o resto deste post »

O amor vencendo a mutilação feminina

Postado em Atualizado em

image

No dia 9 de junho de 2015, a Nigéria marcou sua história ao se converter no 23º país africano a proibir a mutilação do clitóris das meninas. É uma notícia muito importante para quem luta contra este ato, já que a Nigéria é o país mais populoso da África, onde se estima uma população de 20 milhões de mulheres e meninas, aproximadamente.

É uma medida muito importante para erradicar por completo esta situação, que infelizmente ainda é praticada em 29 países da África e da Ásia.

Leia mais em: http://melhorcomsaude.com/otima-noticia-nigeria-proibe-mutilacao-genital-das-meninas/

O amor está vencendo a intolerância.

Postado em Atualizado em

image

Se você é religioso e acredita que os gays não devem formar famílias,  peço-lhe a caridade de ler este texto e de assistir a este vídeo. Se mesmo depois continuar acreditando nisso, saiba que respeito-lhe e peço-lhe desculpas se este texto lhe ofendeu.

Primeiro gostaria de dizer que todas as religiões, filosofias e parte das leis nos ensinam que todos somos iguais. Somos todos irmãos no mesmo barco, na nossa casa: o planeta terra. Todos merecem o mesmo respeito e amor. Não é fácil viver esta regra, mas ela é universal.

Segundo, reconheço que exista o entendimento de “normal”,  “moral” e  “aceitável”, por isso digo que o respeito. Mas salvo nas estatísticas e em algumas poucas religiões (não a sua), estes conceitos variam de pessoa para pessoa, de cultura para cultura e variam também ao longo do tempo.

Estamos assistindo à histórica mudança de alguns destes conceitos; algumas parecem estar indo rápido demais e outros estão apenas sendo propostos. Nos últimos 15 anos o direito à união de pessoas do mesmo sexo tem sido uma vitória da tolerância e do amor. Mesmo que, num primeiro momento, possa parecer difícil ou até mesmo chocante para muitas pessoas. É importante que aceitemos o tempo de cada um.

Não fique abatido e celebre a mudança, ela foi pensada por pessoas de todas as denominações.

O amor se manifestando de forma universal é #fatobom.

Assista o vídeo aqui,  para ler mais vá em Slate.

Dicionário Audiovisual – Altruismo

Vídeo Postado em Atualizado em

image

Não há nada errado em esperar algo em troca, seja do outro, seja da vida. O que você vem esperando? Quanto maior a espectativa maior a decepção quando o que se espera é retribuição.

O homem retratado no vídeo recebe de volta muito mais do que poderia esperar.

Genial e emocionante campanha da uma seguradora tailandesa Thai Life Insurance.

Altruismo é isto, agir pensando no bem do outro. Altruismo na dose certa é #fatobom.

Clique na foto ou no link a seguir para assistir o vídeo.

De onde veio?

Postado em Atualizado em

bertrand_aerea_algodao

Ajudar o mundo a relembrar é #fatobom! (Ver vídeo que motivou este post abaixo, ou clique aqui)

Acompanho o crescimento do consumo consciente desde 1999, estudando responsabilidade social empresarial (quem tiver interesse no PDF clique aqui). Vi muita gente se conscientizando a respeito do que consumia (a exemplo de cigarros, álcool e refrigerantes), outras sensibilizadas a abandonar o consumo de carne em função do sofrimento animal, bem como na moda manifestação contra uso de peles, couros e cobaias. Até vi gente questionar a origem do algodão, mas pouca gente efetivamente correlacionando a atividade com sua externalidade, muito pouca gente enxergando o bicho homem.

Se já é difícil enxergar o outro, quem dirá externalidades. Neste aspecto, em sua obra prima “Home”, Yann Arthus-Bertrand, nos faz enxergar diversas externalidades cruéis através de suas lentes e seus sobrevoos. Recomendo assistir o filme com o áudio original em francês, legendado. Ele mesmo nos narra suas imagens e suas conclusões. Abaixo um trailler, no youtube diversas versões.

Uma externalidade tão óbvia que Bertrand mostra me passou despercebida e passa ao largo do movimento Fashion Revolution (http://fashionrevolution.org/), cujo vídeo inspirou este artigo e pode ser encontrado abaixo. A questão não invalida o movimento, ao contrário, o reforça. A questão levantada aprofunda a pergunta formulada pelo movimento: “quem faz minha roupa?”

O motor da revolução industrial, o tear mecânico, revolucionou a fabricação de tecidos e naturalmente elevou o consumo de algodão, certamente elevando o preço do mesmo num primeiro momento. No momento seguinte a produção aumentou e o preço naturalmente caiu e neste ciclo seguiu nos últimos 200 anos, até que a produção mecanizada estivesse tão elevada que o valor do algodão não era mais suficiente para a sobrevivência os produtores manuais africanos. Já seria chocante, não fosse o fato desta produção mecanizada necessitar subsídios do governo americano e consumir aquífero da região.

Quando me deparei com a questão, pensei: a quem interessa esta forma de produção do algodão? O vídeo deu a resposta: a todos que queremos “roupa barata”. Não se trata de deixar de vestir algodão, se trata de questionar certos modelos consolidados, de se questionar: quem faz a minha roupa e com quê?

Da próxima vez que for consumir por impulso, se pergunte: de onde veio? preciso?

OGP – Open Government Partnership

Postado em Atualizado em

cumbreglobal_cover

Como já dito na página Lava-Jato, “para ter esperança é melhor fugir do boato e da especulação, seja você governo, seja oposição. […] Conhecer a diferença entre o Estado Brasileiro e o Governo Brasileiro é #fatobom!” Tome conhecimento do OGP (Open Government Partnership – OGP) e do OGP Awards, bem como da iniciativa Governo Aberto (OGP Brasil), alinhada com as primeiras.

Em 2015 o OGP Brasil apresentou 6 finalistas para votação do projeto que representará o Brasil no OGP Awards. Conheça os projetos e VOTE até 25/05 no nosso representante 2015. O prêmio será em Outubro.

Visando ajudá-lo a conhecer e ter a dimensão do OGP e dos projetos, #fatobom preparou um artigo para cada e os organizou em uma página, afinal cada projeto é #fatobom. Clique nos Links:

Leia o resto deste post »