Mulher

Você pode se reinventar!

Postado em Atualizado em

image
http://sp6.fotolog.com/photo/54/15/24/luciotannure/1077552256_f

Hoje encontrei com a Regina Casé, embora ela não tenha se encontrado comigo. Senti vontade de falar com ela, mas pensei que era melhor escrever o que senti quando a vi.

Leia o resto deste post »

Porque sou homem!

Postado em Atualizado em

Existe razão para não bater numa mulher!

“Slap her”: children’s reactions: http://youtu.be/b2OcKQ_mbiQ

Em outras palavras, não existe razão para bater.

Saber a importância de não perder a razão é #fatoBom.

Vencer a dependência química

Postado em Atualizado em

capaConversando com Janete Krissak Pinheiro, Psicanalista e Diretora Clínica da Clínica do Renascer, sobre a esperança na recuperação de dependentes químicos, ela nos falou da importância da compreensão e apoio da família, bem como naturalmente do apoio profissional.

Leia o resto deste post »

Estudante de Feira tem projeto pré-aprovado em Harvard

Postado em Atualizado em

Jovem de 18 anos criou o projeto de um kit para diagnosticar a endometriose

Uma estudante de apenas 18 anos, moradora de Feira de Santana, na Bahia, teve o seu projeto pré-selecionado pela Universidade e Harvard, nos Estados Unidos. A Ideia da estudante Geórgia Gabriela da Silva Sampaio é criar um kit para diagnosticar a endometriose de forma mais rápida e mais barata.

Ao todo o concurso conta com 40 trabalhos concorrendo, sendo que 16 deles são de estudantes brasileiros. O concurso é composto por fases e a semifinal foi encerrada na quarta-feira (10). Uma votação na internet definiu cinco trabalhos, que se juntarão com outros 10, escolhidos através e avaliação, totalizando 15 finalistas.

RTEmagicC_65106-3.jpgFoto: Reprodução / Acorda Cidade

O resultado deve ser divulgado na próxima segunda-feira (15), mas segundo a estudante em entrevista ao site local Acorda Cidade, o resultado da votação é aberto e que o trabalho dela se classificou entre os cinco escolhidos por meio de votação na internet. Os autores dos 15 projetos escolhidos devem passar por uma entrevista via skype de onde cinco serão escolhidos para participar de uma conferência que acontece anualmente nos Estados Unidos.

“Poderei apresentar meu projeto, com minhas ideias, mostrar como ele foi desenvolvido e pedir patrocínio aos investidores que estarão lá, para poder trazer o patrocínio para o Brasil e poder implementar o diagnóstico da endometriose de forma mais simples”, disse a jovem em entrevista ao Acorda Cidade.

Geórgia afirmou em entrevista ao site que passar nesse concurso é importante para que ela possa dar continuidade à sua pesquisa, que está parada por falta de laboratórios em Feira e Santana. A estudante também tentou continuar a pesquisa em Salvador, mas encontrou dificuldades em conciliar tempo com o professor na capital baiana.

Para Geórgia essa é uma oportunidade para melhorar o currículo e de conhecer uma das melhores universidades o muno, além da visibilidade que a pesquisa terá.

Segundo a estudante a ideia de pesquisar sobre a doença surgiu quando ela percebeu o contexto social que a doença tem. A endometriose possui tratamento, mas é muito caro, assim como o diagnóstico.

Sidinei da Silva Sampaio, mãe de Geórgia, conta que a filha sempre foi muito aplicada e determinada nos estudos. Ela se formou no ensino médio no ano passado em uma escola particular da cidade, onde era bolsista.

“Me sinto feliz, pois vejo o esforço dela. Sempre foi muito aplicada, desde pequena. Ela já venceu várias olimpíadas, conseguiu uma bolsa em uma boa escola, tudo através do próprio esforço. O projeto dela vai gerar uma melhora na vida das mulheres, pois uma doença como essa não é descoberta através de exames simples”, afirmou a mãe orgulhosa ao Acorda Cidade.

Geórgia também já passou em três vestibulares, dois na Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) e um na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), nos cursos de Engenharia da Computação, Engenharia Civil e Engenharia Elétrica. Mesmo assim a jovem não ingressou em nenhum deles, pois está se preparando para fazer vestibular em uma universidade fora do Brasil.

Apesar do seu projeto ser na área e saúde, a jovem não pretende cursar medicina. Geórgia quer fazer Engenharia Mecatroônica.

Fonte: iBahia – http://www.ibahia.com/detalhe/noticia/estudante-de-feira-tem-projeto-pre-aprovado-em-harvard/?cHash=6f90f49a9ca72781083bddb3e87b3d64

Seu esmalte poderá te proteger?

Postado em Atualizado em

UCA agressão sexual é um assunto muito sério. Claro que a responsabilidade deste tipo de crime não é das vítimas e que as autoridades precisam vigiar e punir com rigor os agressores, mas ter ferramentas eficazes para se prevenir e evitar se tornar uma vítima é #fatoBom.
Leia o resto deste post »

A morte é um dia que vale a pena viver? (ver video)

Postado em Atualizado em

Cicely Saunders
Cicely Sauders

Ter alguém ao seu lado até seu último suspiro é #fatoBom.

Naturalmente que ninguém deseja se tornar e nem deseja que alguém próximo se torne portador de doença terminal. Mas, enxergando a doença terminal como algo que o levará à morte, não estamos todos juntos neste caminho?

Não tenho resposta para o por quê muitas vezes olhamos com pena para o doente terminal, mas certamente o ideal seria olhá-lo com compaixão, o mesmo olhar que merecemos mesmo sadios. Naturalmente o entendimento do sofrimento a que está sujeito o paciente terminal urge mais por compaixão, não somente pelo sofrimento físico, emocional e social, mas também, como lembrado no vídeo pelo sofrimento familiar.

ana_claudia
Ana Claudia Quintana Arantes

Pesquisando um pouco sobre o assunto me deparei com a seguinte declaração: “Eu me importo pelo fato de você ser você, me importo até o último momento de sua vida e faremos tudo que está ao nosso alcance, não somente para ajudar você a morrer em paz, mas também para você viver até o dia da sua morte.” Esta frase de Cicely Saunders traduz bem este sentimento que tentei expressar, tão bem que aparece em uma centena de referências relativas aos Cuidados Paliativos.

Pela definição da OMS os cuidados paliativos se iniciam quando os cuidados curativos não mais fazem efeito. Esta definição pode parecer indicar que o paciente não mais viverá, o que será realmente a única verdade se o olhar dos que estão à volta o declararem morto. Isto que Cicely Saunders e a palestra de Ana Claudia Quintana Arantes na TEDx tentam nos recordar: o paciente terminal está sim vivo e merece respeito e ser tratado, bem como tratar os seus sofrimentos. O tempo dele precisa ser valorizado. Algo que levou um Hospital abrir um Wine Bar.

Conheça a TED.

O que você vai ser?

Postado em Atualizado em

Borboleta
Chattanooga Butterfly Garden

Atalho para quem vive sem tempo, na ordem recomendada:

05/09/14 – Dia Internacional da Caridade (ONU)

30/08/15 – #JAPYDAY – Dia Mundial da Caridade (be japy)

28 a 31/08/14 – Virada Sustentável 2014 – SP Brasil

Texto para quem sabe parar um momento para refletir:

Em 1999 resolvi fazer um mestrado para buscar responder uma questão que atormentava diversos empresários de todo o mundo: por que ser um empresário ético enquanto uma parte considerável dos concorrentes, clientes e fornecedores não o são? Publiquei sobre esta teimosia em 2000 na Gazeta Mercantil, periódico que não existe mais. Como resultado, na dissertação (link para quem tiver interesse), cheguei à seguinte definição não Teologal da caridade, com apoio no diálogo entre Umberto Eco e o Cardeal Carlo Maria Martini:

Caridade “significa agir pensando em melhorar não só o próprio futuro, mas também o do outro. Age-se desta forma não simplesmente porque isso interferirá no seu destino, mas principalmente pela preocupação com o outro” (Ver PDF -Mollicone, M. 2003 pg 57/111). E este conceito está fortemente relacionado com a sustentabilidade, que por sua vez relacionado com o conceito não Teologal de Esperança, razão de existir do movimento #fatoBom.madre teresa

Na minha opinião particular, que infelizmente pode gerar debates por se tratar de uma pessoa religiosa, a ONU não poderia ter escolhido pessoa melhor para datar e representar o dia Internacional da Caridade. Escolheu Madre Teresa de Calcutá ou Beata de Calcutá, e por data escolheu o dia de sua morte aos 87 anos (05/09/1997). Não preciso falar sobre ela. Se você não sabe quem ela foi, vale a pena procurar saber. Este post entra na seção #personalidades em homenagem a ela.

Eu escolhi uma borboleta para falar sobre isto, pois como dito, caridade envolve pensar realmente no outro e para conseguir isto é preciso olhar para dentro de si mesmo e enxergar quem você verdadeiramente é. “Sou o que eu escolhi me tornar.” (Carl Jung)

Faça uma escolha nesta semana, escolha se tornar um ser alado e livre! Voar é #fatoBom.